8 mitos e verdades sobre abrir o próprio negócio

Abrir o próprio negócio tem sido o sonho de muitos e, nos últimos anos, o governo deu vários incentivos para que as pessoas saíssem da informalidade. Mas ainda assim, existem certos conceitos que rondam a mente das pessoas sobre abrir o próprio negócio que, por vezes, as tem impedido.

Por isso, vamos considerar 8 mitos e verdades sobre abrir o próprio negócio. Vejamos!

1 – É preciso algo novo, revolucionário: mito

Essa ideia não passa de um mito. E não é preciso se esforçar muito para ver isso, pois embora existam muitas ideias inovadoras e revolucionárias, elas são minoria. O que fará a diferença é a maneira como o produto ou serviço será oferecido.

2 – É necessário um alto investimento inicial: mito

Pesquisas mostram que, no geral, o empreendedor tem gasto em média, duas vezes o valor necessário para o investimento inicial. Isso, claro, encarece o negócio, além de revelar falta de pesquisa de mercado — o que claramente evitaria esse valor gasto desnecessariamente.

Claro que ter dinheiro suficiente para o investimento inicial e para cobrir os custos do negócio é primordial, mas não se pode resolver tudo com dinheiro. Se a equipe não estiver engajada com o negócio e os planos de gestão bem traçados, o dinheiro irá pelo ralo.

3 – Franquia é sucesso certo: mito

A diferença básica entre uma franquia e um negócio totalmente novo é que o originador da franquia ou o franqueador já passou pelas etapas de fazer as pesquisas de mercado, elaborar as estratégias, planos de negócios e modelos de gestão. Mas, se os mesmos não forem aplicados na franquia, o retorno não virá, pois aquilo que contribuiu para o sucesso não está sendo feito.

4 – Maior tempo livre: mito

Esse pode ser considerado “o mito”. Na maioria das vezes, a carga horária no trabalho ao abrir o próprio negócio é o dobro do período em que se era funcionário de outra pessoa. Isso porque o negócio está no início e precisa da sua atenção, então sua agenda terá raros momentos de folga.

5 – Riscos são inevitáveis: verdade

Essa é uma ideia que vai acompanhar todo e qualquer negócio, sempre. Com uma boa pesquisa de mercado, um plano de negócios bem traçado sem dúvida vai ajudar a diminuir os riscos, mas é impossível zerá-los.

6 – É necessário elaborar um plano de negócios: verdade

Já mencionamos antes a importância do plano de negócios, pois ele é que definirá a viabilidade do negócio, qual a concorrência, qual a necessidade do mercado. Isso dá o norte para melhorias nos produtos e processos e para o crescimento da empresa.

7 – Empreendedor precisa saber vender: verdade

Imagem, produto ou serviço: sempre haverá o que vender. Por isso, é muito importante que o empreendedor saiba desempenhar bem esse papel.

8 – O começo deve ser o mais cedo possível: verdade

Apesar de a juventude carregar consigo a inexperiência profissional na maioria das vezes, é o período em que se tem mais tempo para aprender, já que o tempo para se trabalhar é maior — o que vai acarretar em mais experiência adquirida.

Consideramos apenas 8 mitos e verdades sobre abrir o próprio negócio para ajudar a elucidar algumas questões. Quer saber mais sobre o assunto? Conheça 5 dicas essenciais para um novo empreendedor.

 

E então, gostou deste artigo? Antes de concluir, deixamos uma última dica: para ter sucesso na sua jornada empreendedora, além de saber se você tem alguma destas características de um perfil empreendedor, é preciso manter-se constantemente atualizado e aprimorar as técnicas de gestão do seu negócio. Por isso, curta a nossa página no Facebook. Nela, você sempre acompanhará informações úteis para o dia a dia de um empreendedor. Te esperamos por lá!

franquia casa do construtor

Deixe uma resposta